ESTADO SOCIAL

Mais vale rico e saudável que pobre e doente

Desemprego

leave a comment »

A taxa de desemprego está hoje acima do pico a que se chegou na sequência da revolução do 25 de Abril (descolonização; deterioração da iniciativa empresarial privada).

De facto, a chegada da democracia foi acompanhada pela escalada do desemprego, de 1,7% em 1974 para 9,1% em 1985. Esta progressão apenas foi travada pela adesão à CEE e consequente quadro  económico de apoio (o primeiro) a viabilizar investimentos de 3.441 milhões de contos. Este estímulo económico fez regredir o desemprego para 4.1% em 1992.

Em 1992 Portugal assinou o tratado de Maastricht que impunha restrições económicas importantes: controlo da inflação; controlo da dívida e do défice do Estado; controlo da taxa de câmbio; controlo das taxas de juro de longo prazo. Estas restrições limitaram a capacidade do Governo exercer política macro-económica para gerir a economia.

A partir desta altura o desemprego passou a reagir como estabilizador automático – sobe para retirar custos das empresas (como antes seria conseguido via desvalorização cambial), força o Estado a injectar dinheiro na economia (via subsídio de desemprego) e promove a emigração (e respectivas remessas). Dispara 75% em apenas 3 anos chegando a 7,2% em 1995. Foi necessário o segundo quadro económico de apoio, lançado em 1994, com reforço muito substancial de fundos face ao anterior, para proteger o emprego – que voltou a regredir para 4% em 2000.

O emprego em Portugal estava já fora de controlo do Estado e à mercê da intervenção comunitária. Como qualquer estabilizador automático… o desemprego ganhou vida própria.

Em 1999 Portugal participa na linha da frente da criação do Euro – eliminando de vez qualquer esperança (já escassa) de controlo da política cambial e monetária. Na impossibilidade de fazer desvalorizações para estimular a economia, o desemprego cumpriu o seu papel e ainda não parou de subir.

A economia tende sempre para equilíbrio – não é possível fechar portas sem abrir uma janela.

Fonte dos dados: AMECO

Written by PH

2010/10/24 at 15:54

Posted in Emprego

Tagged with ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: